Anatomia de um Desastre

Quer entender como nossa economia foi para o ralo?

Números nunca fizeram muito sentido para mim, sou de humanas, popularmente conhecidos como “o povo das miçangas”. Mesmo com essas limitações me esforço para entender minimamente de economia. Considero que tenho um economês rudimentar construido a base de muita leitura e muito interesse no que acontece no Brasil e no mundo. Dito isso, é inegável que nossa economia está péssima há algum tempo, além disso questões econômicas foram usadas para justificar quase tudo em Brasília em 2016. Com isso em mente resolvi me dedicar a leitura de “Anatomia de um Desastre” sabendo de ante mão que penaria um bocado para entender tudo que ali é relatado.

Claudia Safatle, João Borges e Ribamar Oliveira pegam um período que vai do final do primeiro mandado de Lula até a interrupção do segundo mandato de Dilma e contam a história da economia brasileira. Eles mostram como fomos do céu ao inferno em pouco mais de uma década. A leitura é fascinante e deveria ser obrigatória.

Tenho que admitir de cara que algumas operações relatadas detalhadamente no livro são completamente incompreensíveis para o meu economês rudimentar, coloco aqui em destaque a operação quadrangular feita no governo Dilma. Se alguém entendeu aquilo, por favor, me explique. Mesmo tendo que me conformar com o fato de que não conseguiria entender tudo não conseguia parar de ler.

O que faz o livro ser tão envolvente para leigos é a mistura de ter vivido o que está sendo contado com as explicações simples e detalhadas do que foi feito. A contabilidade criativa que geraram as famosas pedaladas fiscais tem lances inacreditáveis, daqueles que você jamais faria no seu orçamento domestico. O capítulo “Brasília 17h10” é estarrecedor e de simples entendimento por todos e mostra como as contas nacionais eram geridas com pequenos truques.

Uma das lições que tirei do livro é que além do ministro da fazenda e o presidente do banco centra é importante ter na ponta da língua o nome do secretario do tesouro nacional.Arno Augustin, secretario do tesouro nos governos Dilma é figura central no livro e disputa o protagonismo com o então ministro Guido Mantega e com a própria presidente. Só como registro a atual secretária do tesoura é Ana Vescovi.

“Anatomia de um Desastre” é um livro que trata de economia e de como chegamos a maior recessão em 70 anos. São lições que todos nós deveríamos entender para não voltar a isso, para não sermos enganados por peças de propaganda governamental ou partidária e, principalmente, escolhermos e cobramos mais e melhor de nossos governantes.

Compre aqui:

Submarino01 Saraiva Travessa Americanas Livraria Cultura

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: