Bastidores do Livro

FB_IMG_1438131170411Não é segredo que foi um professor e um sistema de ensino que despertaram em mim o amor pela leitura. Esse amor, que só cresce a cada dia, nutre em mim a vontade de ser para outros esse professor, com a única exceção de eu não ter essa formação. Esse fato sempre me deixou um pouco insegura: afinal, sou apenas uma comunicadora e uma leitora. Não sei “ensinar”. Mas essa barreira nunca foi um obstáculo na hora de abordar livros no Clube do Livro Saraiva, na Bienal do Livro, em diversos outros eventos literários. Então, quando o convite da Michelle Strzoda

veio para eu apresentar o case do Clube do Livro Saraiva no curso Bastidores do Livro – da Babilônia Cultura Editorial – , eu não pensei duas vezes e agarrei.

Trato esse trabalho literário que faço com muito respeito, credibilidade e profissionalismo e acho que tudo isso faz parte da fórmula que me rendeu oportunidades incríveis, como as que citei acima. Embora ele não me sustente, ele é essencial na minha vida e, nos mais de dez anos de “estrada literária” e seis anos de Clube do Livro, pude ver que posso sim, em uma escala diferente, fazer uma pessoa refletir quando o assunto é literatura e como palavras em uma página tocam o coração, incomodam, tiram o sono, fazem chorar e sorrir.

Abri a aula recapitulando essa minha trajetória e abordei o Clube do Livro e o diferencial dele: abordar livros por todas as frentes possíveis, falando sobre sua história, foco narrativo, contextualização, temas, personagens, conflitos. Não é apenas uma história (mesmo quando é). Nós, leitores, completamos a lacuna nas entrelinhas e cada um faz isso de uma maneira diferente, única. E o Clube troca essas lacunas, proporciona o compartilhamento dessa experiência.

Durante minha apresentação, recebi perguntas muito legais sobre como lidar com editoras diferentes no mesmo evento, como manter o público fiel com temas tão diferentes e durante tanto tempo (afinal, mais de 100 pessoas há mais de 6 anos não é pouca coisa!) e como agora, que estou para me tornar uma autora, me sentirei ao ter meu trabalho editado. Acho que o curso proporcionou uma troca incrível e foi não somente uma oportunidade, mas um privilégio. Mais uma vez, obrigada Michelle!

Depois da minha apresentação, a minha “parça” de eventos literários da Editora Seguinte, Raffa Fustagno – do blog A Menina que Comprava Livros – apresentou sua trajetória nesse mundo das palavras. Claro que conhecemos muito a história uma da outra, mas foi muito legal expor como somos duas pessoas completamente diferentes, que amamos a mesma coisa, mas temos abordagens distintas e que se complementam.

Foi realmente incrível participar do curso Bastidores do Livro! Os participantes nos receberam com muito carinho e interesse, sempre buscando como é realizado esse trabalho de levar o livro até o leitor. Realmente, pessoal! Livro é mercado, é paixão, é sonho, é negócio e encontrar um equilíbrio entre todos esses fatores não é fácil. Mas não é impossível. Basta se comprometer.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: