Bisa Bia, Bisa Bel

Ana Maria Machado é uma das escritoras que me tornaram leitora. Foram suas histórias que me encantaram na infância que colaboraram para que eu tenha uma maravilhosa relação com livros e leitura. Sempre que passo por algum momento em que não consigo me concentrar em leituras volto ao básico, ou seja, vou a minha estante de livros infantis e releio algum, é minha tática para acabar com esse períodos difíceis em que não consigo me concentrar em leituras mais longas.

Dessa vez peguei um clássico “Bisa Bia, Bisa Bel” é um livro super premiado que foi escrito em 1981. Meu livro é uma segunda edição que eu herdei de minha irmã. A história é bem simples: Isabel vê uma foto de sua bisavó Beatriz quando criança e isso desencadeia toda a história.

Isabel nos guia em uma narrativa sobre se conhecer a própria história, de entender as diferenças de gerações, de ver a evolução de hábitos e tecnologia e como nos adaptamos. É um livro sobre memória e sua importância para o presente e o futuro. Em tempos em que pessoas querem reescrever a história “Bisa Bia, Bisa Bel” ganha toda uma nova camada de leitura. Assim são os bons livros, toda a vez que você relê ele te diz mais.

Tinha esquecido como é bom e interessante reler livros infantis que me disseram tanto na infância. Recomendo começar pelas pouco mais de 50 páginas desse clássico de Ana Maria Machado.

Compre Aqui:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo
%d blogueiros gostam disto: