O Medo mais Profundo

Harlan Coben é desses autores que pego para ler sempre que preciso descansar um pouco a cabeça e me entreter ao mesmo tempo. Seus livros policiais são de rápida leitura, interessantes e com reviravoltas. “O Medo Mais Profundo” é mais um caso de Myron Bolitar que envolve, dessa vez, alguém muito próximo a ele.

Telefonema de ex nunca é uma boa coisa e a abertura de “O Medo Mais Profundo” é uma prova disso. Bolitar recebe um ligação, tenta fugir mas sua ex acaba encontrando com ele e jogando em seu colo uma bomba (ele tem um filho) e exigindo que ele ajude a encontrar o doador de medula que o menino precisa. Nada disso é spoiler, está na orelha do livro.

Partindo do desespero de pais que querem salvar a vida de um filho adolescente Coben vai construindo uma trama que envolve uma riquíssima família, um jornalista em desgraça e um serial killer. O caso começa bem e vai degringolando, a trama vai ficando cada vez mais rocambolesca e algumas pontas da história não precisariam nem existir. As duas reviravoltas finais são bem obvias e não chegaram a gerar uma surpresa em mim.

Mesmo com ressalvas “O Medo Mais Profundo” é exatamente o que eu esperava que ele fosse: um policial de rápida leitura. É sempre bom ter um Coben assim na pilha de livros.

Compre aqui:

Submarino01 Travessa Americanas Livraria Cultura

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: