O Substituto

O Substituto é aquele livro que você não sabia que deveria ler, mas deve. Precisa. Agora.

O substituto_Capa 16x23 01Me interessei por ele pela capa. Admito. Pronto, falei. Mas depois que ele chegou lá em casa, ele ficou na estante, arrecadando poeria por pelo menos um ano. Mês passado, com a proximidade do Dia das Bruxas, furei a fila de livros “para ler” e cai dentro do mundo de “O Substituto” (The Replacement, Editora Bertrand).

Primeiro livro publicado por Brenna Yovanoff, “O Substituto” é narrado em primeira pessoa. Mackie – Malcom Doyle – é pálido, tem cabelos louros e olhos extremamente pretos, toca baixo muito bem e é amigo de um dos caras mais populares e legais da escola (Roswell). Mackie é tímido porque ele acha que deve ser, porque foi ensinado pelos pais que ele precisa passar desapercebido, que ser parte da paisagem é sobreviver. Isso porque Mackie é um substituto, um ser diferente que é aparentemente humano, mas tem grave alergia a ferro, não pode suportar sangue ou entrar em lugar consagrado e foi deixado no lugar do verdadeiro Malcom quando este era ainda um bebê. E seus pais e sua irmã sabem disso.

“O Substituto” começa com um dia normal na vida de Mackie, mas um acontecimento corriqueiro atrás do outro causam efeitos colaterais físicos gravíssimos enele até que, inevitavelmente, ele descobre: “estou morrendo”.

Enquanto Mackie tenta descobrir o que está acontecendo e como impedir seu fim, a pequena sociedade de Gentry sofre uma tragédia: o falecimento de uma criança. Tate, uma das meninas da escola de Mackie e irmã mais velha da falecida, insiste que “aquilo que está sendo enterrado não é minha irmã”. E Mackie descobre que não era o único substituto de Gentry.

A cada virar de página, a jornada se torna mais sombria, mais profunda ao chegarmos ao coração inundado e repleto de seres em decomposição de Gentry. Seres que não têm nome ou têm vários, mentiras e aparências, desespero e a frustração e agonia de um jovem adolescente que quer apenas encontrar o seu lugar na sociedade. Tudo isso e muito mais estão nas páginas de “O Substituto”.

Escrito com maestria por Brenna Yovanoff, “O Substituto” me deixou boquiaberta do início ao fim. Primeiro porque a história é sensacional, segundo porque os personagens são incrivelmente complexos e bem escritos, mas o mais impressionante foram as escolhas que Brenna fez ao escrever. Não somente na linguagem – que é transparente, mas repleta de significados e poesia – e simbolismos, mas no decorrer da trama. Ser um substituto não é um segredo para a família de Mackie e a maneira como o tratam, com carinho e consideração, mesmo que com uma certa distância, é lindo de se ler. A relação dele com a irmã, com Tate e com Roswell é incrível e …. realmente, me deixa até sem palavras.

“O Substituto” é um livro surpreendente que tem seres sobrenaturais, mas trata de temas atuais, profundos e imortais, tudo junto, tudo perfeitamente equilibrado e coerente. É realmente um livro incrível não somente pela história, mas pela infinidade de entrelinhas que ela possui.

Aproveite que o Natal está chegando e coloque na sua lista.Você não vai se arrepender.

Compre aqui:

Submarino01 Saraiva Travessa Americanas Livraria Cultura

 

5 pensamentos em “O Substituto”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: