Belas Maldições

Só o fato de ser escrito por Neil Gaiman e Terry Pratchett já deveria ser razão suficiente para qualquer pessoa ler Belas Maldições (Bertrand Brasil, 349 páginas, traduzido por Fábio Fernandes). Se essa não é uma razão forte o bastante, você deveria rever seus conceitos, mas mesmo assim vou tentar te convencer. Bom, Neil Gaiman é autor de vários livros incríveis, entre eles a série … Continuar lendo Belas Maldições

O Segredo de Heap House

Eu sou aquela pessoa tão fã de Desventuras em Série que se você me indicar um livro dizendo que lembra vagamente o trabalho de Lemony Snicket eu já tô lendo dentro da livraria, e foi isso que me atraiu em “O Segredo de Heap House”. Não precisei nem ler a sinopse, quando vi na capa a frase: “Uma encantadora mistura de Charles Dickens com Lemony Snicket”, … Continuar lendo O Segredo de Heap House

Um Passado Sombrio

Conheci Peter Straub por causa do Stephen King, porque Straub escreveu com ele o maravilhoso “O Talismã” e sua continuação “A Casa Negra”. Mas a razão pela qual se deve mesmo conhecer Peter Straub é por causa de seu livro “Os Mortos Vivos”, um dos melhores livros de terror que já li. Straub, ao contrário de King, tem um estilo bem mais refinado, mais literário, … Continuar lendo Um Passado Sombrio

O pássaro do bom senhor

“O pássaro do bom senhor” é daqueles livros que te arrebatam logo de início. Contado por um ancião que lembra a sua infância, a narrativa trata da história de Henry Shackleford, um menino escravizado no território do Kansas em 1856, e sua relação com John Brown, figura real da história norte-americana, um conhecido abolicionista que vê na insurreição armada o único caminho para a libertação … Continuar lendo O pássaro do bom senhor

Para Onde Vai o Amor?

Não sou uma grande leitora de crônicas e mesmo assim tão logo recebemos o livro do Fabrício Carpinejar “Para Onde Vai o Amor?”(Bertrand Brasil, 2015) mergulhei na leitura. Foi um ótimo mergulho. Conheço muito pouco da obra do Carpinejar, li coisas aqui e ali, mas nada muito substancial que tenha feito com que eu possa dizer que conheço a sua escrita. A leitura desse livro … Continuar lendo Para Onde Vai o Amor?