Tempo Suficiente

Alguém já se sentiu como esse senhorzinho acima? A foto acima talvez não seja conhecida pros mais jovens. É do episódio “Tempo Suficiente”, do seriado “Além da Imaginação”, de 1959. Burgess Meredith é um caixa de banco apaixonado por leitura, que aproveita qualquer instante pra abrir um livro, pra irritação constante da mulher e do chefe. Um dia, pra conseguir ler em paz, ele se tranca no cofre do banco na hora do almoço. Quando sai, vê que a Terceira Guerra Mundial acabou de acontecer, e as bombas atômicas destruíram quase tudo. Quase: ele encontra uma biblioteca inteira, com vários livros intactos, e comemora: não tem mais ninguém pra encher a paciência, e agora ele pode ler à vontade…

Não precisava ter uma destruição em escala planetária, mas quem aqui não gostaria de ter todo o tempo do mundo pra ler todos os livros maravilhosos que tem por aí? Essa falta de tempo com tanta coisa pra ler é mais angustiante agora, em início de temporada de premiação (mais sobre isso em breve). Escrevo esta coluna numa pequena pausa entre o trabalho e as leituras de última hora; quando for postada faltarão praticamente 24 horas para o prazo limite para indicar os melhores do ano na ficção científica para o Prêmio Hugo, e estou correndo para tentar ler o máximo possível para poder fazer uma lista no mínimo decente.

Por onde começar? Claro, tenho autores/autoras favoritas, aquelas que leio logo que publicam. O site Tor.com sempre publica muitos contos ótimos de graça. Eu assino três revistas excelentes de contos (Uncanny, Lightspeed, e Clarkesworld), tudo em edição eletrônica, e se tivesse tempo (aha) poderia assinar mais umas dez ótimas revistas. Mal dou conta dessas três, e ainda assino a Locus, que é a principal revista literária do gênero, com críticas e entrevistas com autores. A Locus publica sempre em Fevereiro uma lista com os melhores do ano na opinião de uma dúzia de críticos e é um bom ponto de partida. Mas este ano, juntando FC, fantasia e terror, tem 97 romances! Sem falar nas coletâneas, antologias, novelas, noveletas, contos, não-ficção…

Sentiram o drama? É quase impossível escolher cinco indicados sem deixar de fora alguém que não tive tempo de ler e que talvez até merecesse mais do que outro que coloquei na lista. Ainda quero ler Fogo & Sangue do George R. R. Martin antes de Game of Thrones voltar. Aí sai o trailer novo de Vingadores: Ultimato, que eu não paro de rever, e embola tudo. Eu tento… Mas falta aquela bomba atômica providencial. E aliás (SPOILER) a coisa não acabou bem pro Burgess Meredith…


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo
%d blogueiros gostam disto: