The Widow (A Viúva)

Sou dessas que tem uma listinha de dicas de livros que vai coletando aqui e ali, “The Widow” foi uma dica que Stephen King postou em seu twitter. Anotei, comprei o e-book e depois de meses consegui me dedicar a leitura. É um livro policial bem construído.

Fiona Barton cria uma história que se desenrola em dois tempos e três narradores. O primeiro tempo é o presente, o segundo segue o desenrolar da investigação de um crime. A viúva, o detetive e a repórter dividem a narração do livro, toda em primeira pessoa dividida entre os três personagens. É essa construção que faz o livro ser intrigante, quando se começa a ler não se sabe qual é o crime, quais são as acusações, porque a imprensa quer tanto uma entrevista da viúva. As perguntas se acumulam e deixam o leitor querendo ler sempre mais um capítulo. Não quero acabar com o suspense do livro e tomarei cuidado para não contar nada que não seja revelado logo.

A viúva é nossa primeira guia da história e monta parte do quadro que está se desenhando, é da boca dela que temos as maiores revelações. A jornalista coloca um pouco de molho nas investigações e o detetive mostra a coleta de provas e as hipóteses. O grande problema do livro é se limitar a ter uma construção narrativa instigante com uma história sem muitas reviravoltas. O livro é melhor vendido do que ele é na verdade e se você, como eu, é uma grande leitora de policiais, nada é surpreendente ou instigante. Tudo é facilmente descoberto depois que se sabe o crime. É uma leitura interessante e nada mais.

Compre aqui:

Submarino01 Saraiva Travessa Americanas Livraria Cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *