Amálgama

Novo livro de contos de Rubem Fonseca é imperdível.

Descobri a literatura de Rubem Fonseca na adolescência e o mundo seco, violento, duro descrito em seus livros e, principalmente, seus contos me conquistaram de imediato. Fazia um tempo que não lia nada dele e quando li sobre o lançamento de “Amálgama” corri para compra-lo. Um novo livro de contos de Fonseca é irresistível.

Devorei o livro em um dia, ele é bem fininho, é verdade, mas não conseguia coloca-lo de lado. O primeiro conto sobre uma mãe que planeja vender o filho abre muito bem o livro e apresenta o que virá a diante. Um mundo de violência se segue com algumas pausas para prosas poéticas.

Meu conto preferido é sobre um escritor que quer transformar seu livro em uma best seller. Tem todos os elementos da escrita de Fonseca incluindo um final que coloca um sorriso sarcástico no rosto do leitor. Esses finais estão presentes em alguns dos contos.

É um livro pequeno, pouco mais de cem paginas, e um deleite para o leitor. Me deu vontade de reler todos os meus livros de contos de Rubem Fonseca e depois partir para os romances. Estava afastada da obra de Fonseca e esse livro me fez tirar da estante livros dele para ler e reler.

Rubem Fonseca é um recluso, não dá entrevistas e não faz lançamento de seus livros. Uma aparição sua é rara, mas ele participou da inauguração de uma biblioteca e sala de leitura para operários da obra da linha quatro do metro. Assistam o vídeo, é imperdível.

Compre aqui:

Submarino01 Saraiva Travessa Americanas Livraria Cultura

4 pensamentos em “Amálgama”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: