Pequenas Manias

sexta literaria header 2
Eu sou uma pessoa de hábitos e manias, sempre pego os mesmos caminhos, sempre atravesso a rua no mesmo lugar, sempre sento no cinema na mesma poltrona, enfim maluquices que me acompanham que fazem ser quem sou. As manias e hábitos, claro, também estão presentes na forma que leio.

 

Sempre leio dois livros ao mesmo tempo, o da rua e o de casa, em tempos pré-kindle o da rua era sempre um livro leva e o de casa um com mais de 400 páginas. Eu até fazia compras em livrarias baseada no peso e tamanho dos livros, afinal tinha que caber na bolsa e não causar problemas de coluna. Com o advento da tecnologia minha vida ficou mais simples, agora é kindle na rua, não importando mais o tamanho ou o peso, e um livro físico em casa. Não tem como viver sem o cheiro de livro.

Antes de começar qualquer leitura sou dessas que lê a contra capa e as orelhas, por isso também odeio essa nova moda de só colocar citações elogiosas ao autor ou ao livro por lá. Custa ter aquele resuminho com suspense? Adoro! Eu acaricio as páginas também, sinto a textura do papel e, é claro, cheiro o livro. Nada melhor do que cheirar as páginas. Outra mania, essa um pouco prejudicial, é de sempre que começo um capítulo ver quantas páginas ele tem e qual o nome do próximo. Isso tem a ver com o meu calculo de se dá para ler todo no tempo que tenho. Isso é um problema, muitas vezes, o nome do capítulo seguinte te dá spoilers e mesmo assim não consigo me conter.

Tim Parks em seu livro “Where I’m Reading From” falando sobre leituras e literatura defende que o maior mérito dos leitores digitais é combater esses hábitos e manias e fazer com que nós leitores nos concentremos única e exclusivamente no que estamos lendo. Eu tenho que concordar com ele. Quando estou lendo no kindle faço apenas isso mesmo, me concentro no que estou lendo, é verdade que sempre opto por saber quantos minutos faltam para terminar o capítulo e não o livro, mas essa é a única concessão que faço às minhas manias de leitora. Parks também afirma que se apreende mais lendo no meio digital, essa parte eu tendo a discordar. Não sei bem porque mas sempre me lembro com mais detalhes do que li em livros físicos do que em digitais, deve ter algo a ver com o fato de sempre lembrar de passagens sabendo que elas estão em paginas parea ou ímpares e não conseguir fazer o mesmo no meio eletrônico.

De qualquer forma cada um tem suas manias na hora da leitura e o importante mesmo é que se leia muito e cada vez mais. Eu até tenho listinha dos livros que leio, mas isso é uma mania para outra coluna.

 

Um comentário sobre “Pequenas Manias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *