Terror Machadiano

Machado de Assis, que faria hoje 180 anos, pode ser considerado o precursor do Realismo na literatura brasileira, mas também tinha uma queda pelo fantástico e pelo macabro. Traduziu em 1883 o poema “O Corvo”, de Edgar Allan Poe, e é frequentemente incluído em antologias do gênero. Assim como Poe, Machado enfatizava o terror psicológico.

Contos Macabros (Escrita Fina, org. Lainister de Oliveira Esteves) traz duas amostras, dois clássicos. “Sem Olhos”, de 1876, trata da punição cruel a uma mulher pelo marido ciumento, por uma traição mais percebida mas nem sequer consumada. Tem um toque de sobrenatural, ou pelo meno de “inexplicável”. “A Causa Secreta”, de 1885, é um de seus grandes contos. Uma aparente boa ação inicial esconde uma mente cruel, mais uma vez tomada pelo ciúme.

As Melhores Histórias Brasileiras de Horror (Devir, org. Marcello Simão Branco e Cesar Silva) optou por um conto menos conhecido, “A Vida Eterna”, de 1870. O narrador recebe uma proposta irrecusável de casamento e acaba se envolvendo com um culto de antropófagos, numa narrativa que vai numa espiral de pesadelo. Mas o conto também tem aquele humor fino Machadiano como cronista da sociedade.

Machado serve como principal atrativo dessas duas antologias que buscam traçar um panorama cronológico do terror na literatura brasileira. Elas trazem autores consagrados como Aluísio Azevedo, João do Rio, Humberto de Campos e Lima Barreto, e mostram que o terror sempre esteve presente na nossa literatura.

Menos assustador mas muito divertido é o conto “O Imortal”, em que um homem nascido em 1600 bebe uma poção indígena e ganha vida praticamente eterna. O conto narra as aventuras dele ao longo dos séculos seguintes, como testemunha da história – chegando ao trono da Inglaterra! Está em Os Melhores Contos Brasileiros de Ficção Científica (Devir, org. Roberto de Sousa Causo). Aqui, Machado aparece cercado por outras feras da FC nacional como Jerônymo Monteiro, André Carneiro, Rubens Teixeira Scavone e Jorge Luiz Calife.

Boas oportunidades de conhecer esse lado de Machado de Assis e ainda descobrir outros autores fantásticos.

Compre Aqui:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo
%d blogueiros gostam disto: