Coluna

Ler

Nesse mês de aniversário do site decidimos que todos nós responderíamos a mesma questão: por que leio?

A ideia é ótima para um site que, há dez anos, ocupa esse espaço na rede para falar de livros. Depois de estar sentada em frente a uma tela por uns 20 minutos sem saber muito bem o que escrever comecei a achar que a ideia é boa e a execução um tanto quanto complexa.

Não faço a menor ideia de porque leio. Sei que sou atraída por livros desde que me entendo por gente. Esse gosto por mergulhar nas palavras de outrem, conhecer novos mundo; abrir novas portas e janelas; destruir e reconstruir formas de ver o mundo; arejar as ideias; passar o tempo; relaxar, enfim tudo que a leitura pode proporcionar é atávico a quem sou.

Ler é algo muito solitário e pessoal. Lemos de formas diferentes, somos impactados de formas distintas, até mesmo quando relemos as palavras nos atingem de outra maneira e aí está a graça, o encanto de ler. Esse site nasceu da necessidade que tínhamos de falar sobre o que estamos lendo para ver se tem alguém aí que já leu ou se interessa por ler o mesmo livro e assim gerar um debate, uma troca de ideias.

 O Cheiro de Livro me fez uma leitora mais diversa. Cada um de nós tem preferencias por gêneros e autores. Eu tento sempre descobrir livros diferentes daqueles que estão nas vitrines e mesmo assim sou sempre atraída pelos mesmo gêneros e autores, é verdade. Não acho que isso seja um problema, é apenas a constatação de que tenho preferencias.

Incrivelmente nesses tempos pandêmicos não ando conseguindo ler muita ficção, não ando lendo quase nada. O que consegui ler foram livros reportagens que pensam e retratam os nossos tempos. É meio overdose de realidade, eu sei, mas é o que estou precisando e não debato lá muito com isso. Se pego um livro e não engato, coloco de lado e parto para outro. Pego de novo em outro momento. Ler tem dessas coisas. Há livros que te encantam de primeira e livros que só em uma segunda ou terceira chance te conquistam, faz parte do processo.

Eu estou enrolando vocês, eu sei. Sou dessas leitoras que tem sempre um livro ou um kindle na bolsa, que tem uma pilha de livros a serem lidos. Sou assim desde sempre, não consigo lembrar de um tempo em que não existia um livro me acompanhando por aí. Nem com essa leitura toda dentro de mim consigo elaborar uma resposta mais elabora do que um simples: “porque eu gosto”.

Similar Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *