Nada escapa a Lady Whistledown

Quatro contos de autoras diferentes compõem o livro “Nada escapa a Lady Whistledown” (Editora Arqueiro). Quem costura todos os quatro é a personagem-título, escrita por Julia Quinn, cujo conto encerra a coletânea.

Em um inverno atípico em Londres, o Rio Tâmisa congelou e todos aproveitam o momento para patinar, socializar e, claro, se apaixonar! Os quatro contos culminam no baile de São Valentim, data mais romântica do ano.

Cada uma das quatro autoras conta uma história que traz um par romântico às vezes inusitado, às vezes quase que destinado a ser feliz para sempre! E o divertido, além de ler as desventuras desses personagens, é ver como os de um conto acabam encontrando os do outro conto e assim por diante.

Vou colocar as sinopses de cada conto e minhas impressões abaixo, mas sem spoilers (embora todo mundo já saiba que todos serão felizes para sempre no fim de cada conto, né? É meio que padrão, graças a Deus!).

O primeiro conto do livro é de Suzanne Enoch e um dos que eu mais gostei! A sinopse é a seguinte: Um futuro noivo fica sabendo que o “comportamento escandaloso” de sua bela prometida foi parar na coluna de lady Whistledown e volta correndo para Londres com o intuito de ganhar o coração da moça de uma vez por todas.

Nem preciso dizer que eu ADOREI o conto! A protagonista é independente e atacada e não cai de amores de cara logo não! O gatinho tem que trabalhar muito para conquista-la!

O segundo conto eu também gostei muito e foi escrito por Karen Hawkins. A sinopse é a seguinte: Um conhecido libertino tem sua amizade mais antiga e seu coração postos à prova quando uma adorável dama se encanta por outro cavalheiro.

Acho que esse foi o que mais gostei! A protagonista tem mais de 30 anos e é autêntica, não liga para opiniões alheias e segue seu coração e opinião. AMEI a Liza e o conto todo é muito, muito lindinho! Queria um livro com esses personagens!

O terceiro conto foi o mais fraco, na minha opinião. Escrito por Mia Ryan, a história acompanha uma jovem que é despejada da própria casa por um detestável – embora charmoso – marquês que pretende tomar posse não apenas do imóvel, mas também de sua antiga moradora.

Tem um twist aí no meio e é bem bonitinho, mas achei a história boa demais para tão poucas páginas. A sensação é que não foi explorada o suficiente e ficou muito rápido e superficial, sabe? Pena porque a troca entre os personagens é muito legal e merecia ser mais explorada.

Fechando, a maravilhosa-eu-amo-tudo-que-ela-escreve-menos-a-Daphne, Julia Quinn! Seu conto traz uma história deliciosa de seguir! A alta sociedade está em polvorosa, afinal a debutante mais promissora da temporada foi rejeitada por seu pretendente… apenas para ser conquistada em seguida pelo charmoso irmão mais velho do canalha que não a quis.

Gatinha que se livra do embuste! QUEM NUNCA?! Adorei esse conto até porque a moça – Suzannah – é uma maravilha de personagem e o Conde David é uma COISA!

“Nada escapa a Lady Whistledown” é um livro excelente para essas situações:

  • Se você quiser sair da ressaca literária;
  • Se quiser ler algo romântico, mas não um romance inteiro;
  • Se já leu tudo das autoras favoritas e quer descobrir novas;
  • Se não conhece o gênero e quer testar se vai gostar;
  • Se quer se apaixonar por personagens deliciosos de ler!

Ah, e também temos “Lady Whistledown contra-ataca”, que traz as mesmas autoras com outros contos! YAY! Fato que será o próximo da lista de leitura!

Compre Aqui:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: