Enraizados

Naomi Novik é dessas autoras que coloquei na minha lista de preferências desde que li os livros da série Temeraire . Quando vi que “Enraizados” (tradução de Cláudia Mello Belhassof) tinha sido lançado corri para adquirir e coloquei ele em um posição privilegiada na minha eterna pilha de livros. A história da luta de Agnieszka contra a Floresta é fascinante.

A história de “Enraizados” é simples: Agnieszka mora em uma vila em um vale que é ameaçado por uma Floresta maligna que quer consumir tudo e todos, esse vale é protegido por um mago, o Dragrão. Uma vez a cada dez anos o Dragão escolhe uma menina de uma das vilas do vale e fica com ela presa em sua torre por dez anos. Não é de se espantar que Agnieszka é a escolhida do mago e é nesse momento que tudo começa a acontecer.

Lendo a sinopse do livro que acreditei que seria uma espécie de romance de formação com magia – e até um certo momento estava certa – mas não é bem assim. A história vai sendo levada cada vez por caminhos mais incertos e cada vez mais fascinantes. Não querendo contar spoilers, do momento em que Agnieszka entra na Floresta em busca de sua amiga Kasia é uma aventura atrás da outra, dessas aventuras que não dá vontade de colocar o livro de lado. E para os que acreditam na falácia de que mulheres não sabem escrever cenas de batalha, Novik prova mais uma vez o quão errada essa bobagem é.

Magia, Dragões e maldições não são minhas preferências de leitura. Leio aqui e ali alguma coisa mas não é algo que me encanta (com trocadilho) e mesmo assim a forma de contar de Novik sempre me captura. Por mais que ela seja americana o que ressoa em sua narrativa é algo mais diferente para alguém, que como eu, passou boa parte da vida lendo textos americanos ou ingleses. Novik é a primeira geração nascida nos EUA de uma família vinda da Polônia e isso ressoa no seu texto, não só pelos nomes dos personagens mas também pela construção da história e a motivação dos acontecimentos. Ouvir cada vez mais narrativas de lugares diferentes é uma das minhas motivações e encontro isso, de certa forma, nos livros de Novik.

Nos agradecimentos Novik fala que sua personagem principal é baseada em uma história polonesa que ela adora, me deu uma vontade enorme de buscar contos de fadas de outras partes do mundo. Livros sempre nos levam a mais livros.

Compre aqui:

Submarino01 Travessa Americanas Livraria Cultura

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: