Como se forma um leitor?

O título desse texto é uma provocação. Não faço a mais remota ideia de como se faz com que pessoas capazes de ler façam isso por gosto e não por obrigação. A escritora Ruth Rocha divide as pessoas em três grupos: o primeiro, uma minoria, nunca se tornará leitor, não importa o estimulo; o segundo, […]

Era tudo mato

O ano era 2001, a internet era discada, o celular servia só para ligar e na mesa da cantina da faculdade uma troca rápida de ideia, um e-mail anotado na página de um livro (um sacrilégio, sabemos) e assim a equipe do finado Sem Sentido ganhava corpo. Os anos passaram e o blog que falava […]

Lendo por aí

Estava lendo “Pequena Livraria dos Sonhos” onde a autora Jenny Colgan começa o livro dando dicas de onde ler. Temos pouquíssimos locais em comum, mas é impossível não pensar em onde e como eu leio depois daquelas páginas. Desde que me entendo por gente leio bastante. Desde a adolescência eu estabeleço a meta de ler […]

Safe Place

A frase de Stephen King que está na abertura de “Fica Comigo” – ˜você nunca terá amigos como os que teve aos oito anos de idade”- é dessas de impacto e que cria todo um universo que idealiza a infância e os laços criados nessa fase da vida. O interessante é que nesse conto ou […]

Tri, tetra, penta…

Tem mais alguém aqui tão fissurado que já comprou o mesmo livro mais de uma vez? Culpado. Já tive quatro versões de Senhor dos Anéis. A primeira nem conta, era uma tradução tão pavorosa pro português que não consegui passar do Tom Bombadil. Tive que ler em inglês. Comprei outra edição em livro de bolso […]

Livros!

Yaaaay! Chegou a melhor época do ano para nós  apaixonados, viciados em filas enormes, muvuca literária e queimas de estoque! Hoje começa a Bienal Internacional do Livro no Rio Centro e, como todo ano, estarei lá quase todos os dias! Dessa vez trabalhando no estande da Ubook, no Pavilhão Verde. Quero visitas e abraços quentinhos!  […]

Algozes e vítimas

Este mês lembramos os 50 anos de dois eventos que marcaram o fim dos anos 1960, para o bem e para o mal: o Festival de Woodstock, e os assassinatos cometidos pelo culto chefiado por Charles Manson. Enquanto um desperta uma certa nostalgia e idealismo, o outro é fonte de um fascínio macabro.  A detalhada […]

Currículo Literário

Nunca fui uma pessoa organizada nas minha leituras e com isso tenho enormes lacunas no meu currículo literário. O caso mais grave é o de “Crime e Castigo” que já tentei ler diversas vezes, tenho várias edições diferentes e a leitura simplesmente não anda, por sinal são muitos os clássicos que me faltam, mas isso […]

Terror Machadiano

Machado de Assis, que faria hoje 180 anos, pode ser considerado o precursor do Realismo na literatura brasileira, mas também tinha uma queda pelo fantástico e pelo macabro. Traduziu em 1883 o poema “O Corvo”, de Edgar Allan Poe, e é frequentemente incluído em antologias do gênero. Assim como Poe, Machado enfatizava o terror psicológico. […]

The Past is Myself

Como o fascismo surge? Como ele estende seus tentáculos e intoxica todas as camadas da sociedade? Como pessoas que não fariam mal a um cachorro de repente passam a endossar um governo cruel, inescrupuloso e violento? Responder a essas perguntas não é fácil, mas os relatos de quem já viu isso acontecer podem nos ajudar […]

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo